Segunda-feira, 2 de Outubro de 2006

Dia apos dia...

Dia após dia
Penso no que fiz
Farei, fazia
E também no
Que não fiz mas faria
No que quero fazer
E não quero
No que desejo
E no que não desejo
Mas bem quero
Dar-te um
Um só e único
Beijo
Se me deixares…
Um dia…

Beijo esse
Que seria fogo
Que não queima
Chama que consome
Por dentro no coração
Amor verdadeiro
Paixão que rebenta
Ir ás nuvens e voltar
Sem voar
Ir ao céu
Com um só toque
Um belo suave toque
Dos teus doces lábios
Ai a minha vida…

Dia após dia
Sinto mais um calor
Sinto mais um ardor
Algo a crescer
É a paixão que
Sinto por ti
Não correspondida
Ou sentida
Por ti

Dia após dia
As horas
Os minutos
Os segundos
Vão passando
E os meus lábios
Vão desejando
Os teus
As minhas mãos
As tuas
A minha alma
A tua
O meu coração
O teu
Dia após dia
Dia á dia
Simplesmente dia...


escrito por Dark Angel...! às 20:18
link do post | Comentar | favorito
"Pela morte vivemos, porque só somos hoje porque morremos para ontem. Pela morte esperamos, porque só poderemos crer em amanhã pela confiança da morte de hoje. Tudo o que temos é a Morte, tudo o que queremos é a Morte, é morte tudo o que desejamos querer." Fernando Pessoa. " It's hard to catch a falling star "

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 1 seguidor

posts recentes

You're just like a pill: ...

Pessoa errada

Confissões de adolescente...

Sim ou não...?

Olhem, sabem que mais? Va...

A vida (trabalho para Por...

Saudades do passado, reco...

Estou melhor sem ti... (2...

Estou melhor sem ti...

Desilusao...

Morrerás sozinho...

Diz-me, sente-me, faz-me ...

Solidão

Nos meus sonhos...tu...

Tu...

Dark Angel...!

...

tudo...nada...porquê...?

gotas de chuva

tu...nunca mais!

...:::...

a estudar Gil Vicente- a ...

you...my dream boy...so m...

a folha de outono...1º di...

por ti

i'm trying to forget and ...

desculpa...:'(

A minha temperatura

Dia apos dia...

A minha pátria a minha ba...

Há uma historia por conta...

a janela do luar

a janela do luar

palavras pintadas

o teu eclipse

sem ti

...

faltas-me tu

um sonho

ola