Sexta-feira, 16 de Maio de 2008

Sim ou não...?

És igual
És diferente
És divertido
Tens (ou não) sentido
 


 


Fazes-me desejar
Procurar-te com o olhar
Digo que “não” a mim mesma
Mas não estou a conseguir evitar
 


 


O teu sorriso diz qualquer coisa
Os teus olhos também
E eu jurei que jamais voltaria
A amar alguém…!
 


 


Quando os olhares se encontram
Eu fujo
Tu escondes
Embaraço o nosso…
Medo o meu
Não será minha imaginação?
 


 


Tenho medo de sofrer
O passado foi cruel
Sou simples, ingénua
Sofro porque sinto
E não quero sentir!
Mas tu,
Fazes-me imaginar,
Fazes-me sorrir…
Promete que não me vais magoar
NÃO NÃO, estou só a sonhar!!!
Acordem-me já!
Acordem-me antes que seja tarde demais!
Não me influenciem,
Não me confundam,
Não …
Por favor…!
Mais ilusões em vão, não…!

escrito por Dark Angel...! às 19:42
link do post | favorito
Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.


"Pela morte vivemos, porque só somos hoje porque morremos para ontem. Pela morte esperamos, porque só poderemos crer em amanhã pela confiança da morte de hoje. Tudo o que temos é a Morte, tudo o que queremos é a Morte, é morte tudo o que desejamos querer." Fernando Pessoa. " It's hard to catch a falling star "

mais sobre mim


ver perfil

seguir perfil

. 1 seguidor

posts recentes

You're just like a pill: ...

Pessoa errada

Confissões de adolescente...

Sim ou não...?

Olhem, sabem que mais? Va...

A vida (trabalho para Por...

Saudades do passado, reco...

Estou melhor sem ti... (2...

Estou melhor sem ti...

Desilusao...

Morrerás sozinho...

Diz-me, sente-me, faz-me ...

Solidão

Nos meus sonhos...tu...

Tu...

Dark Angel...!

...

tudo...nada...porquê...?

gotas de chuva

tu...nunca mais!

...:::...

a estudar Gil Vicente- a ...

you...my dream boy...so m...

a folha de outono...1º di...

por ti

i'm trying to forget and ...

desculpa...:'(

A minha temperatura

Dia apos dia...

A minha pátria a minha ba...

Há uma historia por conta...

a janela do luar

a janela do luar

palavras pintadas

o teu eclipse

sem ti

...

faltas-me tu

um sonho

ola